sexta-feira, 29 de março de 2013

VIDA REAL (Érica)



                        
                                    Injustiça, impiedade, violência e muita maldade

                              Fecho os olhos para não ver tamanha crueldade

Na mídia sensacionalista, vejo sangue e muita matança

Todos morrem, independente se jovem, mulher ou criança


O afán pelo lucro fácil, o desejo de se enriquecer

Levam muita gente boa, nesse mundo a se perder

As guerras pelo poder, por território ou religião

fazem de muitos inocentes reféns dessa perversão


Mulheres são iludidas por promessas de redenção

Entregando suas vidas no meio de uma explosão

Em diferentes lugares do planeta crianças escravizadas

Em minas, canaviais e usinas, exploradas e maltratadas

 
Meninas e meninos de rua se prostituindo ou se drogando

Famintos, maltrapilhos, roubando ou mendigando

O racismo e o preconceito vão marcando e excluindo

Aos negros, aos índios e aos gays vão ferindo


Apesar de muitas lutas, passeatas e protestos conscientes

As pessoas continuam cegas, mudas, surdas e indiferentes

No mundo impera o padrão dos que se acham patrões

Maltratam e ferem pessoas com suas injustas ações


O mundo está mesmo desajustado

e eu no meu canto calado,

vou vendo:


Profissionais com licença para matar

Bandidos com direito de mandar

Pais vendendo filhos, para o pedófilo abusar

Filhos matando pais, para com a herança ficar

 
O dinheiro tudo pode, o poder tudo permite,

A mídia tudo distorce, o povo em tudo acredita

O governo não muda, a igreja não salva

A polícia não protege e a escola não educa


E eu?.... Eu vou seguindo minha vida

Como se não tivesse nada a ver com isso...

Um comentário:

Luz13 disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.